Sobre o SELCIR

O V Seminário Nacional Literatura e Cinema de Resistência (V SELCIR) em 2016 encontra-se em sua quinta versão. Com uma periodicidade bienal, temos a preocupação de fortalecer a cada ano as relações entre os grupos de pesquisa Estudos de Narrativa de Resistência (NARRARES) e Estéticas, Performances e Hibridismos (ESPERHI) com grupos de pesquisa e pesquisadores preocupados em discutir as relações entre literatura, cinema, arte e resistência, tanto que neste ano o V SELCIR será realizado na cidade de Santa Maria (RS) graças a parceria com o Grupo de Pesquisa Literatura e Autoritarismo, responsável pela organização do evento e será a primeira experiência de itinerância no Brasil.

Criado em 2008, hoje o SELCIR possui a colaboração de pesquisadores de vários lugares, fazendo com que a coordenação do evento que era formada exclusivamente por professores do Pará, passasse a receber outros pesquisadores, como o Prof. Dr. Élcio Loureiro Cornelsen, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); a Profa. Dra. Rosani Úrsula Ketzer Umbach, da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM); e o Prof. Dr. Gonzalo Leiva Quijada, da Pontifícia Universidade Católica do Chile (PUC-Chile ).

Sabemos do desafio que é reunir pesquisadores de grande envergadura nos extremos do Brasil. Nos primeiros anos o evento reunimos pesquisadores no Norte nas cidades de Belém e Abaetetuba, hoje estamos no Sul na cidade de Santa Maria para debater várias pesquisas que entrecruzam os estudos sobre Literatura, Cinema, Autoritarismo, Memória, Testemunho e Resistência e, assim, colaborar com o desenvolvimento da divulgação científica e intelectual das áreas de Arte, Estética, Humanidade e Literatura. Entre os conceitos explorados pelo evento está  o de “Resistência”, cunhado por Alfredo Bosi, em um importante ensaio Narrativa e Resistência, o qual tornou-se fundamental para os estudos aqui desenvolvidos, nesse estudo Bosi referenda a necessidade de opor-se a uma força superior a sua, que tenta a todo custo subjugar, submeter, massacrar, destruir. É por conta dessa necessidade de oposição que os estudos sobre resistência ganham fôlego no país.

O primeiro SELCIR (2008) foi realizado em Belém e congregou professores de três Instituições de Ensino Superior: UFPA, UEPA e IFPA, realizado no Campus IV da UEPA, foi bem pequeno e contou com a participação somente de professores de Belém. O segundo evento ocorreu na UFPA, no Campus de Abaetetuba (2010), nesse evento iniciamos uma profícua relação com o professor Élcio Cornelsen da UFMG, que está conosco até hoje nessa parceria.

Em 2012 o SELCIR, ganhou status de evento Nacional e contou com a participação de vários pesquisadores do Brasil, Argentina e Chile, foi realizado em Belém nas dependências do Campus I da UFPA. O IV SELCIR (2014), também realizado em Belém contou com pesquisadores do Brasil, Argentina, Chile, Alemanha e Dinamarca. Todos esses pesquisadores tornaram-se grandes colaboradores das pesquisas dos grupos Narrares e Esperhi.

Em 2016, mesmo diante da crise e do golpe de estado que se instalou no Brasil conseguimos realizar o V SELCIR, que contará com pesquisadores da Universidade Federal do Pará (UFPA), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS), Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA), Universidade Federal de Pelotas (UFPEL), Pontifícia Universidade Católica do Chile (PUC-Chile), Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Universidade de São Paulo (USP).